20 Oct 2019

Please reload

Posts Recentes

50 Tons de Cinza – Opinião de Leitora

11 Jan 2015

A trilogia 50 Tons, começou como uma fanfic (historia criada por um fã usando os personagens e plano de fundo de uma história conhecida) de, pasmem, Crepúsculo. 

Vale lembrar que essa é a minha opinião como leitora!!

 

Comecei a ler 50 Tons depois de passar uma matéria na TV sobre o fenômeno mundial que essa trilogia havia se tornado, que se tratava de um pornô para mulheres. E claro que me decepcionei um pouco com o enredo e o estilo de escrita da E.L James, mas acho que meu padrão é um pouco mais alto depois de passar tanto tempo lendo grandes mestres da literatura como Agatha Christie e J.R.R Tolkien. 

 

Enfim, minha percepção do livro foi que é um livro de sacanagem com uma linguagem meio infantilizada... A nossa protagonista, Anatáscia Steele, é muito jovem, virgem e não tem experiência nenhuma (tirando um ou dois beijos) com homens e tem muitos defeitos, defeitos de mais eu diria, como ser desajeitada, não ligar para moda e maquiagem, mas imagino que essa seja uma estratégia da autora para fazer com que o maior número de mulheres que leiam o livro se identifique com pelo menos um defeito da Srta. Steele.  

 

Logo no inicio da história Anastásia conhece o misterioso sr. Grey (o cara que supostamente tem 50 tons de cinza) e eles se interessam mutuamente e começam um romance complicado, porque ele dá avisos estranhos sobre como é perigoso e de como ela deveria se manter longe dele. Tudo em vão, por que mais de 80 páginas depois eles transam depois de ela contar 

ser virgem. 

 

Nessa parte do livro achei forçado. A mulher tem 21 anos e é virgem, até ai ótimo, mas quando o sr. Grey diz que vai “resolver o problema dela” e ela pergunta se ele vai “fazer amor” com ela o sr. Grey responde que: “eu não faço amor, eu fodo. Fodo com força”.  E a mulher imediatamente abre as pernas pra ele?! Achei forçado por causa do backgroud da personagem.

 

Depois de tudo isso ela descobre que ele gosta de sadomasoquismo e eles começam a ter um relacionamento mais sério (que envolve um contrato). Bem, não vou contar a história toda.

Li os três livros, queria saber como terminava, mas depois da página 100 do livro 1 comecei a pular as descrições das cenas de sexo entre eles; motivo? Fica maçante a leitura. 

 

No fim das contas, os livros são bons como leitura leve, sem esperar demais. Bons pra distrair e chocar os mais conservadores (risos). 

Os livros fizeram um sucesso tão absurdo que viraram filme, que estréia no Valentine’s Day desse ano (14/02/2015). Confira o trailer na página inicial.

 

Boa Leitura!!

 

 

 

 

 

 

Please reload

© Copyright 2018 Estúdio MaSam.